redes sociais

Visitantes On-Line

Temos 11 visitantes em linha

Autenticação



Copyright © 2009 - 2011 Filarmónica de Vila Nova de Anha

Filarmónica de Vila Nova de Anha
PRÓXIMA ATIVIDADE

Concerto de Ano Novo

CONCERTO DE ANO NOVO

Dia 6 de janeiro (sábado), às 21h30 no Centro Social Paroquial

Com a Direção musical do Maestro PAULO AREIAS, e  a Filarmónica de Vila Nova de Anha - Dep. Cul. Rec. apresenta-se ao Público não Seu IV Concerto de Ano Novo, no Salão de Festas do Centro Social Paroquial de Vila Nova de Anha - Viana do Castelo, no dia 6 de janeiro de 2018, pelas 21h30, com entrada livre.

 

 

SIGA A NOSSA ACTIVIDADE NO FACEBOOK

 
Bem Vindo ao Site da Filarmónica de Vila Nova de Anha - Departamento Cultural e Recreativo

Filarmónica de Vila Nova de Anha ® A Filarmónica do Centro Social Paroquial de Vila Nova de Anha nasce nos finais do ano de 2009, mais concretamente no dia 19 de outubro, por iniciativa de um grupo de mulheres e de homens de Anha e das freguesias vizinhas, uns pais de alunos da Escola de Música e outros não, mas todos irmanados no gosto pela boa música e no desejo de a promoverem e divulgarem.  Nasceu esta agremiação musical no outono, à sombra dos edifícios paroquiais, prendada com instalações convenientes ao desenvolvimento dessa nobre e bela arte, com o apoio unânime e entusiasta de toda a Direção do Centro Social Paroquial de Vila Nova de Anha e sob a protecção de Deus. Foi criado um Departamento Cultural e Recreativo para dirigir todos os trabalhos e tentar levar a bom termo o que, com muita alegria e por vontade e sacrifício de muitos, tinha começado. Apresentou-se, com galhardia, à população no dia 7 de março de 2010, anunciando uma primavera de arte e de beleza e, por obra do imprevisível que existe em todos os homens e mulheres, não fora a persistência da maioria dos fundadores, a determinação da Direção do Centro Social Paroquial e o apoio incondicional de muitos Anhenses e amigos, teria morrido, mesmo antes de terminar a sua primeira infância. Mas assim não aconteceu para gáudio de todos nós. Nos últimos meses de 2011, atendendo a que a dificuldade é uma oportunidade para os audazes com intenção reta, surgiu uma renovada e amadurecida equipa que, fazendo do passado uma escola e equipada com uma dose de coragem digna de registo, apadrinhou e amadrinhou o projecto em curso, e sem qualquer interrupção que poderia gerar instabilidade, prosseguiu a sua caminhada e, com paz e serenidade no seio do Departamento tutelar, fez avançar o trabalho que iria tornando, progressivamente, o sonho de alguns em realidade para todos. A partir de outubro de 2013, passou a ser seu maestro António Ferreira, natural da Maia.A direção do Departamento Cultural e Recreativo do Centro Social Paroquial de Vila Nova de Anha, sente-se honrada por poder associar à sua Filarmónica, este jovem maestro, o qual seguramente já é uma mais-valia, na continuidade e no futuro deste projeto, na certeza porém que da nossa parte tudo será feito para elevar o nível e a qualidade desta equipa.

 

 

 

PAULO DE BARROS AREIAS

Natural de Viana do Castelo. Licenciou-se em oboé pela Escola Superior de Musica de Lisboa, tendo-se aperfeiçoando paralelamente em masterclasses em Portugal e no estrangeiro com François Leleux, Stefan Schilli, Lazlo Hadady, Ernest Rambout, Alex Klein, Maurice Bourgue, Thomas Indermuhle, Christian Wetzel, Nick Deutsch, Alfredo Bernardini, Jean Luc Fillon, Ricardo Lopes e Henrik Goldschmidt.

Enquanto oboísta colaborou com a Orquestra Gulbenkian de Lisboa, Orquestra Mundial de Jovens Zoltán Kodály (Hungria), Camerata do Instituto Internacional de Música de Camara de Madrid, Orquestra Filarmonia das Beiras e Orquestra Sinfonietta de Lisboa.

Especializou-se em música de câmara na Escola Superior de Música Rainha Sofia - Madrid, onde estudou com Hansjorg Schellenberger, Klaus Thunemann, Jacques Zoon, Karl-Heinz Steffens, Eduard Brunner, Ralf Gotoni e Radovan Vlatkovic.

Fundador do Quinteto de Sopros Avent - garde foi premiado em duas edições do prestigiado concurso da Radio Difusão Portuguesa, “Premio Jovens Músicos RDP”. Realizou concertos em Espanha, França, Eslováquia, Bélgica, Holanda, Hungria, Brasil e China e efetuou gravações com a RDP, RTVE (Espanha), Molennar (Holanda) e MG (Hungria). Atuou entre outros no Festival “Dias da Música do Centro Cultural de Belem”, “Neerpelt Music Festival” – Bélgica, WASBE 2017 – Utrecht, e no “Festival Internacional de Música de Santander” - Espanha.

Durante a sua carreira teve a oportunidade de trabalhar com músicos como Zakhar Bron, Paul Neubauer, Sergio Carolino, Gary Hoffman, Natalia Shakhovskaya, Rainer Zepperitz, Jaime Martin, Karl- Heinz Steffens, Vitaly Margulis, Mario Laginha, Vicent David, Rainer Schmidt e Pedro Burmester. Leciona oboé na Escola Profissional de Música de Viana do Castelo e na Academia de Música de Viana do Castelo e enquanto professor de instrumento orientou vários masterclasses em Portugal, Omã e no Brasil, onde se apresentou também como solista.

Possui o grau de Mestre no Ensino Especializado da Música, nas especialidades de Oboé e Classe de Conjunto, pela Universidade Católica Portuguesa - Porto. Desde 2014 assume funções de professor de Orquestra na Escola Profissional de Música de Viana do Castelo.

É primeiro oboista e chefe de naipe da Banda Sinfónica Portuguesa, com a qual obteve o primeiro prémio no World Music Contest em Kerkrade – Holanda e é também membro do Serenade Ensemble.

É maestro titular da Orquestra Con Spirito e assumiu recentemente a direcção artística da Filármonica de Vila Nova de Anha. Estuda direcção de orquestra com o Professor Jean-Marc Burfin.